Bomba sobre o caso Joaquim: promotor diz que crime pode ter sido premeditado


O padrasto do menino Joaquim, Guilherme Longo, sai da DIG em Ribeirão Preto (SP), após ser ouvido pelo delegado e o promotor do caso Foto: Alfredo Risk / Futura Press
O padrasto do menino Joaquim, Guilherme Longo, sai da DIG em Ribeirão Preto (SP), após ser ouvido pelo delegado e o promotor do caso
Foto: Alfredo Risk / Futura Press

O promotor Marcos Túlio Nicolino, que investiga a morte do menino Joaquim Pontes Marques, 3 anos, disse nesta quarta-feira que o crime pode ter sido premeditado. Segundo ele, a criança pode ter morrido por uma superdosagem de insulina, aplicada pelo padrasto, Guilherme Raymo Longo, que sabia o que o excesso da substância poderia causar em Joaquim. As informações são do Jornal EPTV.“Não pode ser descartada a questão de ser premeditado o uso dessa insulina em dose excessiva para matar o menino. E mais: (o padrasto) deve ter tido conhecimento que a insulina sintetiza muito rápido no organismo. Ou seja: se o menino realmente recebeu uma dose excessiva de insulina e depois, como de fato foi, jogado nas águas e encontrado três, quatro dias depois, com certeza a polícia não vai conseguir detectar a presença de quantidades excessivas de insulina no organismo”, disse o promotor.

 

O menino era diabético e precisava tomar doses constantes de insulina para sobreviver. Em depoimento nesta quarta-feira, Guilherme voltou a falar sobre uma suposta aplicação de 30 doses de insulina que ele teria feito em si mesmo.

 

A polícia acredita que ele esteja dizendo isso para justificar o desaparecimento de frascos da substância da casa da família. Guilherme, no entanto, disse que fez uma autoaplicação porque estava muito nervoso, queria ficar mais tranquilo, e teria pesquisado na internet os efeitos da insulina.

Comente este:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s