O “The Voice Brasil” ainda é inferior ao “The Voice US”


Brasilidade de Lucy Alves e Khrystal faz técnicos chorarem durante Batalha - the voice brasil

Mas tem gosto de Brasil

É claro que não dá para comparar um programa brasileiro com o original, mas os mentores são a cara do Brasil e isso faz a diferença. É de tirar o chapéu para Claudia Leitte, Daniel, Carlinhos Brown e Lulu Santos, eles são engraçados quando precisam e lutam pelo candidato que desejam.

E por falar em candidato, nesse ano ainda não vi cantores tão bons quanto Ellen Oléria, Liah Soares entre outros. Nessa edição, poucos cantores me cativaram. Alguns tem chance de ir direto para a final, mesmo com pouco tempo de programa. É o caso de Sam Alves e Dom Paulinho Lima que foi o primeiro candidato dessa temporada.

Tiro o chapéu também para Miá Mello. Gostei bastante dela como repórter. Outro ponto é o horário. Quando soube que o “The Voice” mudaria de horário fiquei feliz, mas vejo que o domingo é o melhor dia. Na quinta-feira passa muito tarde e, mesmo tendo excelente audiência, no domingo era mais animado.

Comente este:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s